Em depoimento, o homem admitiu ter ingerido bebida alcoólica durante um evento e no momento do acidente ele voltava para casa

Uma menina de cinco anos morreu após o carro em que estava com a família ser atingido de frente por outro veículo na BR-280 em Rio Negrinho, no Norte Catarinense, no domingo (19). Quando os socorristas chegaram ao local, a vítima foi encontrada no colo da mãe com ferimentos na cabeça.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do outro veículo envolvido, de 30 anos, fez o teste do bafômetro oito horas após o acidente e o resultado deu positivo para a presença de álcool. O homem foi preso em flagrante.

De acordo com a mãe, a menina estava na cadeirinha no momento do acidente. Os bombeiros informaram que devido a gravidade dos ferimentos, a suspeita é que o equipamento não estivesse adequadamente preso.

O acidente foi registrado por volta da 6h de domingo. Segundo a PRF, o condutor de um dos veículos invadiu a pista e atingiu o carro da família. A menina foi encontrada pelos bombeiros no colo da mãe em estado grave.

Segundo os agentes, ela apresentava traumatismo craniano e fratura exposta na testa. A garota foi encaminhada para o hospital junto com a mãe, mas não resistiu aos ferimentos.

O pai da menina, de 41 anos, chegou a ficar preso às ferragens e precisou ser desencarcerado. O irmão, um menino de 10 anos, também ficou ferido. Os dois foram encaminhados para o hospital.

No outro veículo, além do motorista de 30 anos, estavam mais três homens que também ficaram feridos e precisaram ser encaminhados para o hospital.

Segundo a PRF, foi após a alta médica que o motorista passou pelo teste do bafômetro. O exame, de acordo com os agentes, apontou 0,25 miligramas de álcool por litro de ar expelido.

Em depoimento, o homem admitiu ter ingerido bebida alcoólica durante um evento e no momento do acidente ele voltava para casa, em São Bento do Sul, na mesma região.

Fonte: G1 SC