Também faz parte desta lista o Geoparque Seridó, do Rio Grande do Norte

O Geoparque Cânions do Sul recebeu ontem (13) a chancela da Unesco Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. Agora é um Geoparque Mundial da Unesco.

A decisão ocorreu em reunião online entre os dias 8 e 11 de dezembro pelo conselho da Unesco. Foram avaliados 18 projetos enviados entre 2019 e 2020. Somente oito foram aprovados, seis da Europa e dois do Brasil: o Geoparque Cânions do Sul e o Geoparque Seridó, do Rio Grande do Norte.

A chancela representa, por exemplo, novas oportunidades de divulgação para o Geoparque, incentivo à pesquisa científica e novas descobertas, valorização do turismo e consequente melhoria das condições de vida das comunidades.

O Geoparque Cânions do Sul é formado por sete municípios, três do Rio Grande do Sul (Cambará do Sul, Mampituba e Torres) e quatro de Santa Catarina (Praia Grande, Jacinto Machado, Morro Grande e Timbé do Sul). Uma área total de 2.830 km2 e cerca de 74 mil habitantes.

Fonte: Assessoria/ Priscila Gamba