Jogo aconteceu na tarde deste domingo, 24, no estádio Antônio Sant’Helena

De virada o atual bicampeão Raizeira fez 2 a 1 no 6Caneco e garantiu boa arrancada na primeira divisão do Municipal, em um excelente jogo de futebol na tarde deste domingo, no estádio Antônio Sant’Helena, em Sombrio.

O jogo começou com o 6Caneco tomando as iniciativas e assustando o goleiro Carlão em jogadas de velocidade de Ramon, que começou na ponta direita e depois foi para a ponta esquerda. O atual vice campeão da segunda divisão da Larm teve o controle, até que aos 28 minutos da primeira etapa, Marcelo Vidal cobrou falta perfeita, na cabeça do centroavante Halan, que abriu o placar, sem chance para o goleiro Carlão, ex Ypiranga de Erechim, recém iniciado no futebol amador.

Logo na sequência do gol o 6Caneco teve mais uma chance, não ampliou e aí foi a vez da Raizeira dominar a partida. Com Maykon Viana, Raphinha, Luana Laguna e Tiago Silvy participando mais do jogo, a defesa desfalcada do 6caneco não conseguiu controlar.

Aos 36 minutos, em escanteio curto, Luan Laguna raspou de cabeça e Thiago Silvy nas costas da defesa completou para o fundo das redes, igualando o placar.

Ainda no primeiro tempo, aos 43, Maykon Viana deu passe para Luan, que dominou, girou e encheu o pé num chute muito bonito, no ângulo, sem chance para o goleiro Leo, do 6Caneco. Foi a virada e o placar final do jogo, definido já no primeiro tempo.

Na próxima semana, mais dois jogos acontecem pela primeira divisão. No estádio Antônio Sant’Helena, Mizura/Coruja enfrenta o São Francisco, pelo grupo B, mesmo de Raizeira e 6caneco. No estádio Vagner Viana, bairro São Luiz, tem Quatorzão/São Luiz e Unidos de São Pedro, pelo grupo A.

Abertura com emoção e homenagens

O cerimonial de abertura do municipal foi um espetáculo a parte. Além do Hino Municipal, tocado e cantado pelo Grupo Som, Voz e Harmonia, da Casa da Cultura de Sombrio, teve homenagem às vítimas da Covid-19 em Sombrio, com 89 nove balões brancos, número de vítimas fatais do vírus que fez também a competição parar por dois anos, sendo jogados aos céus, sob aplausos emocionados dos torcedores no estádio, após minuto de silêncio respeitado na íntegra por todos.

“Vamos celebrar a vida, homenagear aqueles que se foram e agradecer a Deus por estarmos aqui, com estádio cheio, nesta imagem linda que estamos vendo. E que seja um campeonato bom para todos também, de muito futebol e muita confraternização”, discursou a prefeita Gislaine Cunha.

O Gerente Municipal Matheus Rocha também falou sobre a volta da competição. “Estava muito ansioso e estou muito feliz com o retorno dos clubes, dos torcedores e dos apaixonados por esporte. Foi um dia especial e a retomada do mais tradicional campeonato de Sombrio e do maior do estado de Santa Catarina”, concluiu Rochinha.

Fonte: Assessoria de Imprensa de Sombrio Fotos: Marcos Click

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui