Ele foi localizado por investigadores da Polícia Federal em um hotel

O líder caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, mais conhecido como Zé Trovão, foi localizado nesta quinta-feira (09) pela Polícia Federal no México, após uma semana foragido.

Zé Trovão saiu do Brasil antes do mandado de prisão expedido pelo ministro Alexandre de Moraes por incitação a ato antidemocrático nas manifestações de 7 de setembro. Ele foi localizado pelos investigadores em um hotel na Cidade do México.

Pelas redes sociais, o líder caminhoneiro divulgou um vídeo em que diz que a embaixada do Brasil entrou em contato com a direção do hotel em que está hospedado e que iria se entregar.

“Em alguns momentos, eu devo ser preso. Eu não vou mais fugir, chega. Eu tô cansado disso, tá. Pra quem não sabe, eu estou no México e a embaixada brasileira acaba de entrar em contato com o hotel que eu estou. Então em alguns momentos, provavelmente, a polícia vem aqui me recolher e vai me levar preso”, disse.

Zé Trovão é caminhoneiro e dono do canal no Youtube “Zé Trovão a voz das estradas”, que tem 40,2 mil inscritos. Em seus vídeos e postagens nas redes sociais, chamava a população para ir a Brasília e exigia a “exoneração dos 11 ministros do STF”. Em outros vídeos, fez ataques à CPI da Covid, no Senado, além de ter participado de “motociatas” em favor do presidente Jair Bolsonaro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui